Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correr na Cidade

5 dicas para correr com calor

heat-630x421O verão finalmente chegou a Portugal e em força. Esta semana estão previstas temperaturas a ultrapassar, e muito, os 30 graus nas principais cidades do país. Existem alguns cuidados que os corredores - experientes ou noviços – devem ter em conta para que as corridas continuem a ser um prazer e não se tornem num sacrifício.
  1. Nunca correr entre as 11h e as 18h30m. Com temperaturas elevadas todo o cuidado é pouco. Poderá parecer exagerado não correr às 11h, mas nesta altura do ano faz já muito calor e não é nada agradável correr com calor em excesso. Se começar a esta hora é natural que termine pelas 12h, quando o sol já vai alto. É melhor evitar, caso contrário vai sentir-se desidratado, cansado e pesado. Nada disto irá contribuir para um bom treino. Há quem chegue a vomitar devido ao esforço de correr com bastante calor. Estas regras tanto se aplicam para quem corre na cidade como no campo ou na praia. Escrevo-o por experiência própria. Já corri à beira-rio pelas 16h30 num dia de calor, mais concretamente no dia 13 de junho do ano passado, e jurei para nunca mais, não vomitei por pouco.
  2. Levar água. Sempre!!  Se é normal vermos corredores iniciados a correrem de garrafa de água na mão, os mais “experientes” não levam água para não atrapalhar a performance – o que é compreensível (Eu sou um deles. irrita-me o peso e o baralho da água a chocalhar). Ora com temperaturas acima dos 26 graus é uma verdadeira tolice não o fazer (digo isto a mim mesmo várias vezes), sobretudo se forem treinar distâncias maiores que 5K. Existem no mercado e em lojas especializadas várias soluções de cintos para carregar uma, duas ou três pequenas garrafas de água caso vos incomode correr com garrafas na mão. Desidratar no verão é essencial e é um assunto muito sério (seja numa corrida às 9h ou às 21h).
  3. Roupa leve e clara. É censo comum usar roupas claras e leves quando está calor, mas é um assunto que convém relembrar a todos os corredores. Por vezes, teimamos em usar t-shirts técnicas escuras, porque, na sua maioria das vezes são as mais giras. Mas, a não ser que tenham alguma tecnologia especial, evitem usar cores escuras e toca a correr com cores claras e com roupa leve. É nesta altura que as senhoras devem correr de calções, ou de saia, se preferirem. Correr de calças de corrida – na sua maioria pretas – é um verdadeiro atentado.
  4. Óculos e boné. São na sua grande maioria desprezados pelos corredores. Mas no verão devem ser peça essencial para quem corre ao ar livre. O chapéu serve para proteger dos raios solares – e se eles estão fortes nesta altura do ano. Servem também para conter um pouco do suor que nos vai cair da cabeça para a testa…e depois para os olhos. Provocando um ardor insuportável. Os óculos de sol são também peça essencial. Há marcas de running que têm óculos especializados e aerodinâmicos – ideais para a corrida – mas qualquer bom par de óculos com protecção apropriada servem. Convém não esquecer. Se for correr tarde e entretanto anoitecer, convém levar na mesma e assim que o sol se puser, coloque-os dobrados na gola da tshirt. Não incomodam tanto como fazer 10K com os olhos semi cerrados
  5. Identificação e contactos. Pode parecer redundante mas é no verão, e com muito calor, que a maioria dos corredores se sente pior fisicamente. Por um lado é muito agradável correr de manhãzinha (7/8h) ou de noite (20/21h) mas como nem todos conseguem correr a essas horas, há muitos corredores que fazem a horas de mais calor. Assim, aconselhamos a levarem identificação (BI ou CC), algum dinheiro (se a água que levarem se acabar) e, se possível um telemóvel (sobretudo se forem fazer distâncias superiores a 10K).

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.